Planeta Vida - Área do  Professor Planeta Vida - Área das Crianças

Os VIP do desenvolvimento

Nesta página é possível encontrar os VIP do desenvolvimento; não só as estrelas de Hollywood e do mundo do espetáculo, mas também os menos famosos economistas, políticos e outras  personalidades que se dedicam à causa do desenvolvimento e da sustentabilidade económica do Planeta.

ANGELINA JOLIE

 

jolieAngelina Jolie é uma atriz norte-americana, embaixadora de Boa Vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR).

Como embaixadora visitou muitos países em desenvolvimento e países que sofreram situações de guerra e conflitos como o Paquistão, o Iraque, a Tanzânia e a Líbia.

Além disso, Angelina apoia algumas campanhas de solidariedade relacionadas com a defesa dos direitos das criança refugiadas ou o combate à SIDA.

De acordo com a Jolie, “no momento em que o mundo presta atenção à mais recente crise de refugiados, devemo-nos lembrar que se não apoiamos estas pessoas para que possam reconstruir suas vidas veremos um ciclo contínuo de instabilidade e novas crises”.

AMARTYA SEN

prof-sen2Amartya Sen é um economista indiano. A sua maior contribuição é mostrar que o desenvolvimento de um país está essencialmente ligado às oportunidades que ele oferece à população de fazer escolhas e exercer a sua cidadania. E isso inclui não apenas a garantia dos direitos sociais básicos, como a saúde e a educação, a segurança, liberdade, habitação e cultura.

Segundo o economista indiano “O desenvolvimento consiste na eliminação de privações de liberdade que limitam as escolhas e as oportunidades das pessoas de exercer ponderadamente sua condição de cidadão“. Em 1993, juntamente com Mahbub ul Haq, criou o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que desde então, tem sido utilizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento no seu relatório anual.

É autor dos livros e ensaios “On Economic Inequality“, “Poverty and Famines” “On Ethics and Economics” e “The Idea of Justice”.

PAULO COELHO

coehloPaulo Coelho é um escritor e ativista político brasileiro.

Ele foi designado pelas Nações Unidas em 2007 como Mensageiro da Paz e pela UNESCO como Conselheiro Especial para os Diálogos Interculturais.

Defensor do multiculturalismo, Paulo Coelho promove o diálogo intercultural e o apelo global no combate da pobreza e na ajuda dos membros menos privilegiados da sociedade brasileira através do seu Instituto Paulo Coelho.

Escritor mundialmente conhecido, tem obras traduzidas em mais de 65 línguas.

Os seus livros mais conhecidos são: “O Alquimista” e “A Peregrinação”.

MAHBUB UL HAQ

ul haqMahbub ul Haq (1934 – 1998) foi um economista paquistanês influente e de renome, pioneiro da Teoria do Desenvolvimento Humano.

Com Amartya Sen criou o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que tem sido usado desde 1990 pela Organização das Nações Unidas no Relatório de Desenvolvimento Humano, publicado anualmente

A partir do relatório de 2010, o IDH calcula índices que pertencem a três dimensões:

- Uma vida longa e saudável: expectativa de vida ao nascer;

- O acesso ao conhecimento: anos médios de estudo e anos esperados de escolaridade.

- Um padrão de vida decente: PIB per capita.

CATARINA FURTADO

furtadoCatarina Furtado é uma apresentadora e atriz portuguesa, embaixadora da Boa Vontade do Fundo das Nações Unidas para a População desde 2001.

Como embaixadora, Catarina Furtado tem desenvolvido, nos últimos anos, um extenso trabalho social em defesa dos direitos humanos em países como Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde. Em 2005 conduziu o programa de televisão português “Príncipes do Nada”, que divulgou o trabalho desenvolvido por cidadãos portugueses em países africanos de língua portuguesa.

Neste programa, Catarina Furtado relata na primeira pessoa as acções realizadas por voluntários, organizações não governamentais, organismos da ONU, organizações religiosas e pela Cooperação Portuguesa, através do antigo IPAD, atual Camões – Instituto da Cooperação e da Língua.

JOSEPH STIGLITZ

stiglitzJoseph Stiglitz é um economista norte americano, que se dedica à análise do desenvolvimento económico no mundo. Em 2001 recebeu, juntamente com Michael Spence and George Akerlof, o Prémio Nobel de Economia.

Crítico das decisões económicas mundiais, acusa o Fundo Monetário Internacional (FMI), por “empurrar” os países em desenvolvimento a abrir os seus mercados à competição externa antes que possuam instituições estáveis e democráticas para proteger os seus cidadãos.

De acordo com Stiglitz, “para a maior parte do Mundo a globalização, como tem sido conduzida, assemelha-se a um pacto com o demónio. Algumas pessoas nos países ficam mais ricas, as estatísticas do PIB – pelo valor que possam ter – aparentam melhoras, mas o modo de vida e os valores básicos da sociedade ficam ameaçados. Isto não é como deveria ser.”

É autor dos livros “A Globalização e seus Malefícios” “Making Globalization Work”, “Freefall: America, Free Markets, and the Sinking of the World Economy”.

GEORGE CLOONEY

clooneyGeorge Clooney é um actor de Hollywood também envolvido em campanhas de ajuda aos países africanos.

Com outros actores, entre eles Matt Damon e Brad Pitt, fundou a associação “Not on our watch”.

Esta associação tem como objetivo principal a preocupação com os recursos em situações de crises humanitárias e conflitos.

Através do apoio de vários actores e artistas esta associação consegue chamar a atenção dos media para os problemas mundiais.

Entre outras actividades de assistência humanitária, a organização doou, em 2007, um milhão de dólares para o serviço aéreo humanitário do Programa Alimentar Mundial durante o conflito do Darfur (região do oeste do Sudão).

JOSÉ ANTÓNIO ABREU

abreuJosé António Abreu é um político e educador venezuelano, fundador do “El Sistema” um sistema de orquestras de jovens que ajuda as crianças pobres venezuelanas a aprender a tocar um instrumento musical.

Criado em 1975, o “El Sistema” é constituído por cerca de 102 orquestras juvenis, 55 orquestras infantis e 270 centros de música, que “acolhem” cerca de 250.000 jovens músicos. A organização dessas orquestras serve como um mecanismo de inclusão social, utilizando a música clássica como meio de integração. A música ajuda as crianças a atingir o seu pleno potencial e a aprender valores que favoreçam o seu crescimento. António Abreu é da opinião de que “a música tem de ser reconhecido como um agente de desenvolvimento social no sentido mais elevado, porque ela transmite os valores nobres: solidariedade, harmonia, compaixão mútua e tem a habilidade de unir toda uma comunidade e para expressar sentimentos sublimes. “

VANDANA SHIVA

shivaVandana Shiva é uma física indiana que se dedica às causas feministas e à defesa do meio ambiente. Entre as suas actividades mais recentes, destacam-se iniciativas de ampla divulgação para a preservação das florestas da Índia, luta em favor das sementes como património da humanidade e programas sobre biodiversidade dirigidos a diferentes coletividades.

Lutar para a sustentabilidade ecológica, na sua perspetiva, não tem só o objetivo de salvar a natureza do nosso planeta, mas também de criar uma democracia que defenda a biodiversidade e que reconheça o condicionamento recíproco entre a sustentabilidade ecológica e a justiça social, restituindo às comunidades rurais dos países em desenvolvimento o acesso aos próprios recursos, que foi impedido pelo sistema económico que destrói o controlo público sobre o património biológico e cultural. A física indiana considera que “para a maior parte dos pobres, a conexão entre sustentabilidade ecológica e justiça social é evidente, porque os recursos naturais e ecológicos constituem a fonte principal do seu sustento, e, quando alguém se apropria indevidamente deles, isso leva, por um lado, à insustentabilidade ecológica e, por outro, à injustiça social e económica.”

Shiva é autora de muitos livros. Entre eles, Understanding Intellectual Property Rights” (2002), Monoculturas da mente (2004), Guerras por água (2006).